Compartilhe
  • 19
    Shares

naturopatia-holistica

Como tudo começou

A Naturopatia foi originada a partir dos princípios e filosofias de Hipócrates, ensinados em sua Escola de Medicina, por volta do ano 400 a.C, na Grécia Antiga. No decorrer do século XIX, foram rastreados os primeiros indícios da Naturopatia moderna como sistema de cura natural, em represália à medicina exercida neste período, às enfermidades e à deterioração provocada pela Revolução Industrial. Seus criadores, provindos da Europa, recomendavam o contato com os raios do sol, a água e o ar, como o melhor remédio para os desequilíbrios orgânicos e psíquicos. Naquela época já utilizavam a hidroterapia, exercícios realizados na água e, o equilíbrio entre a natureza e o ser humano baseado na utilização de alimentos naturais, ar, luz, água e ervas para auxiliar em processos de enfermidades.

Em meados do ano de 1902, O Dr. Benjamin Lust, imigrante alemão, foi o responsável pela fundação da Escola Americana de Naturopatia. Na escola pregava-se a utilização de plantas para o auxílio em processos de desajustes e desequilíbrios do corpo, hábitos intestinais adequados e higiene correta para manter uma vida saudável.

No período entre 1920 a 1940, foi reduzido o uso da medicina naturopata. Entretanto, foi no ano de 1960 que esta prática ficou bastante popular, permanecendo conhecida até os dias de hoje. Hoje encontramos muitos profissionais da área holística, naturopatas licenciados e devidamente habilitados nesta área para prestarem cuidado à nossa saúde. Homeopatia Holística, suplementação mineral, Terapia Tradicional Chinesa, técnicas de relaxamento e meditação, técnicas energéticas, Florais, são alguns exemplos da Naturopatia Holística.

Mas o que é a Naturopatia Holística

Naturopatia, remete à ideia de recurso terapêutico através de meios naturais. A Naturopatia é uma terapia holística, abordando corpo, mente e essência do ser. Seus métodos incluem práticas corporais, mentais, alimentação e, no caso de Terapeutas Naturopatas com a devida qualificação, fitoterapia e psicoterapia holística.

É uma forma extremamente eficaz de prevenção de desajustes e desequilíbrios energéticos. Sem ser contrária à medicina ortodoxa, a Naturopatia Holística é complementar, complementa e enriquece o potencial da ciência de vanguarda.

O Terapeuta Naturopata entende que o indivíduo interage com o que está a sua volta, e também com o que está dentro dele. Possui a noção de que os desajustes e desequilíbrios energéticos normalmente ocorrem por um conjunto de atitudes internas e externas que o cliente toma perante a vida, aos outros e a si próprio. O profissional Terapeuta Naturopata age procurando fornecer suporte ao autoequilíbrio energético do indivíduo, e, consequentemente uma melhora no bem-estar, na saúde e na qualidade de vida.

Naturopatia age e harmoniza o ser através de métodos naturais, seja através da alimentação, da hidroterapia (exercícios terapêuticos na água), geoterapia (utilização de argila), fitoterapia (utilização de plantas) florais, vibracional e energética (reiki, terapia prânica) e  várias outras técnicas naturais, holísticas e complementares.

Para atuar profissionalmente na área holística não precisa ser médico, apenas é necessário ter formação profissionalizante como Terapeuta Naturopata, realizando um curso em uma instituição de ensino devidamente regulamentada e que ofereça um bom conteúdo programático para o curso. A profissão de Terapeuta Naturopata é incentivada pela OMS (Organização Mundial de Saúde) devido à simplicidade e efetividade de suas técnicas.

Um dos objetivos primordiais da Naturoterapia Holística é a conexão do indivíduo com sua própria essência, ou seja, com o seu Eu verdadeiro, que irradia suas qualidades pessoais, por vezes obscurecidas pelo eu inferior.

A proposta terapêutica baseada nos conceitos da Naturopatia está centrada na unicidade do Homem em perfeita integração com o seu mundo interno e externo, através de técnicas brandas.

Trata-se de uma via enriquecedora e útil para a evolução humana, um caminho repleto de informações milenares, técnicas e métodos terapêuticos consagrados. Mas, por outro lado, é também uma Terapia Natural, atualizada, a qual possibilita o reequilíbrio do Ser.

Principais Técnicas e Benefícios

Fitoterapia e Herbalismo

Ocorre uma seleção de plantas medicinais com o intuito de estimular o fortalecimento das funções do organismo. Permite um vínculo entre o homem e o ambiente, com o acesso ao poder da natureza, a fim de ajudar o organismo na normalização das funções fisiológicas prejudicadas, na restauração da imunidade, na promoção da desintoxicação e no rejuvenescimento. Essa técnica natural, holística e complementar, permite que o corpo encontre o equilíbrio, através da vasta gama de opções que a botânica pode nos oferecer. Toda planta ou erva possui suas propriedades, então é necessário o auxílio de um profissional devidamente habilitado.

Dessa forma, as plantas medicinais são importantes fatores para manter as condições de saúde das pessoas. Além das ações terapêuticas de diversas plantas utilizadas popularmente serem comprovadas, a fitoterapia tem sua importância na cultura, sendo fração de um saber utilizado e disseminado pelas populações ao longo de gerações.

Geoterapia

Refere-se a efeitos terapêuticos presentes no solo que podem ser utilizados para o benefício da nossa saúde. De todas as terras com propriedades curativas, a argila é a mais utilizada e a mais conhecida. A argila auxilia na absorção de toxinas do organismo, utiliza-se de uma argila diferente para cada parte do corpo. Pode ser verde, marrom ou acinzentada e geralmente é misturada com óleos essenciais e outras substâncias, sendo aplicada na forma de compressas.

Benefícios da Geoterapia:

  • Tem efeito bactericida, anti-inflamatório e cicatrizante;
  • A argila filtra as impurezas e potencializa o efeito da substância usada com ela;
  • É usada como complemento ao tratamento da acne;
  • Promove a renovação celular;
  • Clareia manchas da pele;
  • Pode ser usada como técnica complementar ao tratamento da psoríase, diabetes e problemas intestinais;
  • Auxilia em processos de cólicas menstruais;
  • Auxilia a melhorar a circulação sanguínea.

Homeopatia Holística

A terapia denominada Homeopatia é uma prática holística/integrativa, baseada na crença de que o corpo pode curar a si mesmo. Esta técnica foi desenvolvida no final dos anos 1700 na Alemanha e é muito praticada pelo mundo afora.
Aqueles que a praticam usam pequenas quantidades de substâncias naturais, como plantas e minerais. Por exemplo, a cebola vermelha faz seus olhos lacrimejarem, por isso é usada em compostos homeopáticos para alergias.
Basicamente, a homeopatia atua basicamente em acionar as defesas naturais do corpo.

Hidroterapia

Recorre a um dos mais preciosos recursos naturais: a água. Pode ser utilizada de muitas maneiras: duchas, jatos, imersões, compressas, saunas, banhos de água quente ou fria, entre outras. No que toca ao organismo humano, as propriedades curativas da água atuam principalmente a três níveis: nervoso, circulatório e térmico.

Benefícios e efeitos que a água causa no organismo:

  • Eliminação de toxinas;
  • Melhora o equilíbrio;
  • Melhora a distribuição do calor no corpo;
  • Fortalece a musculatura;
  • Melhora a consciência corporal;
  • Relaxa;
  • Diminui o Estresse;
  • Auxilia no tratamento de lesões musculares.

Florais de Bach

São essências de flores e plantas que são utilizadas no auxílio dos desequilíbrios energéticos e vibracionais. As essências florais não tem efeitos colaterais nem contraindicações, podendo ser utilizadas em todas as idades. Uma maneira natural, não invasiva para buscar o autoconhecimento, uma terapia complementar que nos ajuda a entender o porquê de nosso sofrimento, na medida em que nos coloca em contato com nossa essência, trazendo à tona, sentimentos e emoções por vezes esquecidos, mas que intimamente ainda nos causam dor e nos acorrentam ao passado, prejudicando nosso bem-estar e qualidade de vida.

Divididos por seu criador, em sete grupos emocionais gerais, as essências Florais de Bach são relacionadas, individualmente, com um específico estado emocional. Para se encontrarem tão bem definidas em seus grupos, unificam a origem energética dos desajustes e desequilíbrios energéticos em sete pontos de melhoria: cobiça, crueldade, egoísmo, gula, ignorância, instabilidade mental, ódio e orgulho. Tais desajustes poderiam encontrar o equilíbrio através, também, de sete caminhos: alegria, amor, certeza, esperança, fé, paz e sabedoria.

A Naturopatia Holística oferece a possibilidade de ser um complemento natural à medicina convencional, auxiliando e complementando no tratamento de desequilíbrios energéticos, enfermidades diversas e também colaboradora na melhora do estilo de vida do indivíduo.

É importante sempre informar ao seu médico, que você está complementando o tratamento médico com a Naturopatia Holística e, avisar quais as terapias naturais está utilizando como complemento, bem como, avisar o seu Terapeuta Naturopata se estiver em tratamento médico convencional e quais as medicações em uso.

Todas estas técnicas são COMPLEMENTARES e NATURAIS, para a melhoria de sua qualidade de vida, NÃO devendo substituir em hipótese alguma o tratamento médico convencional.

O Instituto Terceira Visão acredita na integralidade do ser humano. O aprendizado e a capacitação são processos que envolvem diversas capacidades e possibilidades, tanto para o indivíduo quanto para a sociedade. Conheça nossos cursos acessando https://portal3visao.com.br/cursos/

Últimas Postagens

Posso cobrar sobre aplicação Reiki?

Essa é uma dúvida que muitos terapeutas holísticos têm!Reiki é a energia vital universal, que trata o Ser como um todo.“REI”, energia universal e "KI" força vital.O Reiki é um método terapêutico complementar, trabalha através da imposição das mãos, busca...

Autorresponsabilidade

Autorresponsabilidade é a capacidade racional e emocional de trazer pra si toda responsabilidade por tudo que acontece em sua vida. Você sabia que é o único responsável pela vida que tem levado? Você está onde se colocou! Como você tem levado a...

Autoperdão

Para você se perdoar, é preciso primeiramente se livrar da CULPA. A culpa não é o mesmo que arrependimento. O sentimento de culpa, somente irá fazer você sofrer. Assuma o erro e foque no que fazer para ir para frente, compreender o que passou...

3 Passos para buscar o Autoconhecimento

Possuímos diversos comportamentos automatizados que não nos damos conta. São estratégias que desenvolvemos em diversas situações e que nos atrapalham em outras. Um exemplo clássico é a procrastinação. Adiar uma situação que deixa você ansioso é...

6 Dicas para Desenvolver sua Autoconfiança

1 - RESISTA AOS PENSAMENTOS NEGATIVOS Toda vez que um pensamento negativo surgir, faça o exercício de mudá-lo para o positivo. Com essa prática, você irá reacostumar seu cérebro a pensar sempre de uma maneira positiva sobre o que acontece no...